Governança

O Itaú Social mantém estrutura de governança alinhada às mais reconhecidas recomendações para uma gestão eficiente, ética e transparente. A administração cabe a um Conselho Curador e a um Corpo Diretivo, formado pela Diretoria.

Conselho Curador

Mais alto órgão de governança e exerce o controle da Fundação Itaú Social. É formado pelos membros do Conselho de Administração e pelo presidente da Diretoria do Itaú, responsáveis por deliberar sobre as atividades; estabelecer diretrizes para as normas de procedimentos internos; eleger e destituir os membros da Diretoria, da Comissão Executiva, do Comitê de Programas e Patrocínios, e do Conselho Fiscal do Itaú Social; e designar funções, fiscalizar a gestão e aprovar as contas, o orçamento e o balanço anual.

Composição:
Presidente: Alfredo Egydio Setubal
Conselheiros: Alfredo Egydio Arruda Villela Filho, Pedro Moreira Salles, Ricardo Villela Marino, Roberto Egydio Setubal

Diretoria

Formada por seis a 15 membros, sendo um diretor-presidente, um diretor vice-presidente, um diretor vice-presidente de programas sociais, um diretor vice-presidente administrativo e financeiro, e de três a 12 diretores-executivos, diretores gerentes e diretores-adjuntos.

Composição:
Diretor Presidente: Roberto Egydio Setubal
Diretor Vice-Presidente de Programas Sociais: Fábio Colletti Barbosa
Diretor Vice-Presidente Administrativo e Financeiro: Osvaldo Nascimento
Diretores: Andrea Matteucci Pinotti Cordeiro, Claudia Politanski, Danise Lanfredi Tosetti Hills Lopes, Reginaldo Camilo

Conselho Fiscal

Composto por um presidente e dois conselheiros efetivos e seus respectivos suplentes, eleitos pelo Conselho Curador para mandato de um ano, permitida a reeleição. O órgão examina, a qualquer tempo, livros e documentos do Itaú Social, comunicando à Diretoria eventuais irregularidades, e emite pareceres sobre os balanços patrimoniais e demais demonstrações financeiras.

Composição:
Presidente:  Carlos Henrique Donegá Aidar; Suplente: José Virgilio Vita Neto
Conselheiros: Denis Gomes Aquino (suplente: Teresa Cristina Athayde Marcondes Fontes), Rodolfo Tsuboi (suplente: José Francisco Lemos Batista)

Comissão de Integração e Controle Itaú

Define diretrizes para os programas e projetos, os critérios para os investimentos e analisa o resultado das atividades da Fundação Itaú Social.

Composição:
Presidente: Roberto Egydio Setubal
Membros: Fábio Colletti Barbosa, Andréa Matteucci Pinotti Cordeiro, Cícero Marcus de Araújo, Osvaldo Nascimento, Reginaldo José Camilo, Ricardo Manuel dos Santos Henriques, Ricardo Villela Marino, Candido Botelho Bracher, Claudia Politanski, Eduardo Mazzilli de Vassimon, Márcio de Andrade Schettini, Marco Abrogio Crespi Bonomi

Grupo Orientador

Composto por especialistas representantes de organizações do terceiro setor, tem caráter consultivo e contribui para o planejamento estratégico.

Composição:
Ana Lucia de Mattos Barreto Villela
Anna Helena Altenfelder
Antonio Jacinto Matias
Bernardete Gatti
Evelyn Berg Ioschpe
Gary Stahl
Gilberto Dimenstein
Helio Mattar
José Roberto Marinho
Maria Alice Setubal
Maria do Carmo Brant de Carvalho
Milú Villela
Osvaldo do Nascimento
Paula Setubal
Paulo Itacarambi
Raul Cutait
Renata Camargo Nascimento
Rodolfo Villela Marino
Rosa Maria Fischer
Sérgio Amoroso
Viviane Senna
Fábio Colletti Barbosa
Angela Dannemann

Comitê de Programas e Patrocínios

Composto por três a sete membros, entre eles o diretor vice-presidente de programas sociais e dois a seis funcionários ou administradores da Fundação Itaú Social ou do banco Itaú. Acompanha os investimentos, aprova projetos, verbas e entidades beneficiárias, elabora relatórios sobre as atividades desenvolvidas.

Composição:
Presidente: Fábio Colletti Barbosa
Membros: Cláudia Varella Sintoni, Denise Lanfredi Tosetti Hills Lopes, Reginaldo José Camilo, Valéria Aparecida Marretto